Produção de móveis sobe 5,3% em março

Apesar da alta no mês de março, no acúmulado dos últimos 12 meses, a produção da indústria de móveis acumula queda de 0,03%

Publicado em 7 de maio de 2019 | 10:30 |Por: Pedro Luiz de almeida

Depois do leve aumento de 0,6%, no mês de fevereiro, a produção industrial em março recuou 1,3%, acumulando queda de 2,2% no primeiro trimestre do ano. Já a produção da indústria de móveis teve alta de 5,3%, na comparação com mês imediatamente anterior (fevereiro). Entretanto, no acúmulado no ano (janeiro-março), o segmento acumula queda de 0,04%. Os dados compõem a mais recente Pesquisa Industrial Mensal (PIM),do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

Ao todo, o setor industrial registrou perda em três das quatro categorias econômicas pesquisadas, além de recuo em 16 das 26 atividades monitoradas.  Na comparação com igual mês de 2018, sem ajuste sazonal, a produção da indústria soma queda de 6,1%, recuo mais acentuado desde maio de 2018 (-6,3%).

O acumulado dos últimos doze meses, com queda de 0,1%, apontou o primeiro resultado negativo desde agosto de 2017. Dessa forma, a produção industrial em março permanece a trajetória descendente iniciada em julho de 2018 (3,3%).

produção industrial em março

Produção industrial em março por categorias e bases de comparação. Fonte: PIM – IBGE

Produção da indústria de móveis em março

O recuo de 6,1% na produção industrial em março de 2019 ante março de 2018 se deu em grande parte pelos resultados expressivos, por exemplo, nas indústrias extrativas (-14,0%) e veículos automotores, reboques e carrocerias (-13,3%). Destaque negativo também para a produção de móveis, com recuo de 11,6% na comparação com março de 2018.

produção industrial em março

Ainda na mesma base de comparação, o segmento de bens de consumo duráveis (-15,8%) e bens de capital (-11,5%) ficaram com as quedas mais rigorosas. Entretanto, depois de avançar 12,6% no mês de fevereiro, o segmento de bens de consumo duráveis caiu 15,8%. Trata-se do recuo mais intenso desde julho de 2016 (-16,1%).

Os resultados são consequências, principalmente, pela queda na fabricação de automóveis (-16,8%), eletrodomésticos da linha marrom (-29,2%) e móveis (-17,1%).  Entretanto, mesmo com a queda acentuada, destaque para saldos positivos na produção industrial em eletrodomésticos da “linha branca” (2,9%). Assim como no segmento de outros eletrodomésticos (2,5%).


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646