Vendas do varejo brasileiro crescem pelo terceiro mês seguido

Em julho, o crescimento foi de 1%. Varejo de móveis cresceu 1,6% no mesmo período

Publicado em 18 de setembro de 2019 | 17:07 |Por: Everton Lima

As vendas do varejo brasileiro cresceram 1% no mês de julho, em comparação com junho. É o que indica um estudo do IBGE. Trata-se da terceira vez consecutiva em que é registrado aumento no desempenho do setor varejista.

Assim, esse segmento recuperou o patamar que experimentava em junho de 2015. No entanto, ainda está distante dos números de outubro de 2014, ocasião em que as vendas bateram recordes. De maio a julho, as vendas cresceram 0,5% — o que mostra uma aceleração no ritmo de crescimento do consumo, especialmente quando verificamos que de abril a junho esse indicador cresceu apenas 0,1%.

– Produção de conteúdo no e-commerce: clientes estão insatisfeitos

Aliás, quando se compara os resultados de julho de 2019 com os do mesmo mês do ano passado, verifica-se que houve um aumento de 4,3% no volume dos negócios do varejo. Isso representa uma receita nominal 6,7% superior à do ano passado.

Vendas do varejo brasileiro: cresce a venda de móveis

O relatório do IBGE mostra que o varejo de móveis teve um crescimento de 1,6% em comparação a junho. Nos meses anteriores, os resultados desse mercado foram negativos. – 0,1% em maio e – 0,5 em junho.

Ademais, houve uma melhora significativa desse indicador, quando comparamos julho deste ano com o de 2018: o aumento nas vendas foi de 7,4%. Isso ocorreu pelo aumento da oferta de crédito pessoal às Pessoas Físicas, de acordo com relatório do Banco Central.

De janeiro a julho, as vendas do varejo de móveis e eletrodomésticos cresceram 0,1%. O acumulado dos últimos 12 meses ainda é negativo, ficando em – 0,9%.  No entanto, dados relacionados a iniciativas como a liberação do FGTS e a Semana do Brasil só serão publicados nos próximos meses.

Como podemos ver no gráfico abaixo, o melhor resultado em vendas do varejo foi em novembro de 2018, período em que ocorre a Black Friday. O pior resultado foi em dezembro, revelando cautela por parte do consumidor na compra dos presentes de natal.

Divulgação/ Agência IBGE

Resultado dos últimos 12 meses das vendas do varejo brasileiro

Desde abril, as vendas têm crescido, de acordo com o IBGE

Em 2019, o único mês em que o indicador, com o ajuste sazonal, ficou negativo foi abril (- 0,6%). Desde então, as vendas do varejo brasileiro demonstram crescimento contínuo.

Gostou desta notícia? Então, compartilhe-a com seus amigos pelas redes sociais e grupos de WhatsApp!

(com informações da Agência IBGE)


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646