A estratégia à nossa volta!

Publicado em 4 de fevereiro de 2020 | 12:05

Os últimos dias tem sido intensos, de várias formas.

Passando por diversos lugares, me peguei observando e pensando se estamos realmente preparados para o nosso “breve futuro” em um mundo tão rico de culturas encontramos também uma infinidade de comportamentos.

Ao passo em que a tecnologia se faz cada vez mais presente, também encontramos pessoas sedentas de conhecimento, diferentes raças convivendo no mesmo espaço, interessadas nas mesmas coisas, olhando na mesma direção em busca do mesmo registro, e, de repente, qualquer dificuldade de comunicação se desfaz.

Por alguns momentos não percebemos qualquer diferença e, mesmo não falando a mesma língua, somos capazes de sentir a mesma vibração, trocas de sorrisos e gentilezas inspiram e conectam pessoas de todo mundo. Essa “dona” História é mesmo um exemplo fantástico de estratégia, mas, que levou todo tempo do mundo para chegar onde chegou. Essa foi apenas uma maneira figurativa de expor que, estrategicamente, é importante que as empresas construam a sua história ao longo do tempo. Mas como e através do que fazer isso?

Por muitas vezes falamos sobre colocar os usuários no centro de tudo e isso tem se tornado cada vez mais importante. A preocupação com o bem estar das pessoas e com o meio em que se vive está estampado como personagem principal no mundo todo. Entre todas as andanças isso ficou muito evidente. Foram passeatas, campanhas nacionais, marcas automobilísticas expondo a preocupação e uma gigante do varejo com apelo ao tema em todos os cantos. Esse é um fator imprescindível na estratégia de qualquer empresa, independente do produto.

Pensar o design e criar ações que completem o ciclo “produto, serviço e comunicação”, dentro desse conceito, pode representar um desafio que exige desempenho extra, busca de informações, estudo de mercado e de comportamento, e principalmente a observação dos movimentos à nossa volta.

Essa é a melhor forma de gerar conteúdo e transformá-lo em produto, adicionado de serviços e empoderamento da comunicação. Lá atrás, falamos em construir história e do quanto ela é fundamental para o fortalecimento da imagem da empresa. Tudo isso, agregado aos fatores citados acima, são o caminho para o fortalecimento da imagem e da identidade e, principalmente, da geração de produtos de valor agregado.

O espaço para coisas vãs está cada vez menor. É necessário criar a necessidade de apego, mas tenha certeza, esse caminho é fantástico e o melhor Benchmarking que temos está a nossa volta. Não espere mais! Embarque nessa viagem e tenha uma excelente experiência.

O conteúdo dos textos das colunas do Portal são de inteira responsabilidade dos seus autores originais

Receba nossa Newsletter