Abrace a incerteza!

Qual o futuro do seu negócio, da sua empresa e dos mercados?

Publicado em 11 de setembro de 2020 | 13:41

Série – Tempos de mudar #1

“Respeite o passado, confie no presente e se inspire no futuro”
Marco Kumura

Qual o futuro do seu negócio, da sua empresa e dos mercados?
Dúvidas e incertezas sempre fizeram parte de nossa rotina corporativa. Afinal, empreender é naturalmente um grande risco, que sempre foi calculado com base em parâmetros conhecidos e nos históricos passados.

Nos acostumamos com eles. Mas de repente, tudo muda.
Os parâmetros não são mais os mesmos, o passado não nos fornece referências para o presente e futuro nos parece mais nebuloso.

A pandemia do Corona Vírus mudou comportamentos de consumo e transformou os mercados de forma quase imediata. Acelerou transformações nas pessoas e nas empresas que demorariam anos para acontecer.

Em minhas aulas de MBA e artigos, sempre reforcei o seguinte ponto:
“Quando o cliente muda, devemos adaptar nossa empresa. E quando o cliente mudar novamente, adaptamos mais uma vez…, e mais uma vez…”.

A competição é um ciclo de adaptações constantes. Quem se adapta melhor sobrevive, quem não se adapta está fora do mercado. Como se fosse a “Teoria da Evolução das Espécies Corporativas”, se Darwin tivesse focado seus estudos no mundo empresarial.

“Não é o mais forte, nem o mais inteligente que sobrevive. Mas o que melhor se adapta às mudanças” Charles Darwin.

Mas efetivamente uma única variável mudou…a velocidade das mudanças! E se a mudança mudou de forma veloz, a adaptação das empresas precisa ser ainda mais rápida.

Mas como adaptar a minha empresa? Como efetivamente mudar de forma correta e ser competitivo?
Por isso, inauguro uma série de artigos denominada “Tempos de Mudar”, onde abordaremos o COMO fazer para gerir sua empresa nestes novos tempos, e literalmente, como fazer tudo isso em “tempo”.

Existem três pontos essenciais para que isso aconteça: (1) Entender as transformações do consumidor de forma efetiva, (2) Coragem para mudar a sua empresa e (3) Saber o momento exato para fazer as transformações.

O verdadeiro líder empresarial nos tempos atuais será aquele que abraçar a incerteza, se abrir ao novo e quebrar verdades estabelecidas. Saber como olhar o mundo e um novo consumidor com novos olhos. Este novo líder precisa ter ainda mais coragem de realizar mudanças estruturais, culturais e de gestão em sua organização.

O passado nos fornece a tradição e os valores, mas não pode ser uma teimosa barreira para a mudança. O presente nos demanda coragem, resiliência e foco. O futuro deve ser a inspiração para um novo mercado, que está lá, disponível para ser explorado pelos mais preparados.
Você e sua empresa estão preparados?

Lembre-se que existem apenas três tipos de empresas: aquelas que perguntam o que aconteceu, aquelas que veem as coisas acontecerem e aquelas que fazem as coisas acontecerem.
Qual é o tipo de sua empresa?

Nos próximos artigos irei direcioná-los pelos caminhos da observação crítica e analítica dos mercados e pela dolorosa e fértil habilidade de adaptar rapidamente suas empresas.

Esqueçam esta história de “Novo Normal”, afinal tudo isso não é novo, só está mais rápido!

Abrace a incerteza!

O conteúdo dos textos das colunas do Portal são de inteira responsabilidade dos seus autores originais

Receba nossa Newsletter