Muito elogiada, Femur 2020 encerra com comemoração por parte dos empresários.

Expositores e lojistas comemoraram quatro dias de intensa visitação e negócios gerados no evento.

Publicado em 24 de janeiro de 2020 | 18:45 |Por: Guilherme Bonissate

A Feira de Móveis de Minas Gerais – FEMUR 2020 teve seu encerramento nesta quinta (23) com sentimento de dever cumprido. Desde a abertura, na segunda-feira (20), 83 empresas expositoras receberam lojistas de todo o país para apresentar tendências e lançamentos das empresas do polo moveleiro de Minas Gerais.

Segundo o Sindicato Intermunicipal de Indústrias do Mobiliário de Ubá (Intersind), ao todo foram cerca de 12 mil visitantes nos quatro dias de feira. Até o fechamento desta reportagem, o cálculo final de negócios gerados ainda não havia sido divulgado.

O presidente do Intersind, Aureo Barbosa, era um dos mais otimistas e empolgados com os resultados. “Femur é nossa grande vitrine. Trabalhamos todos com muita dedicação para receber bem nossos clientes. Superamos anos anteriores porque nosso Brasil está se superando. Surpreendemos na forma de apresentar nossos produtos e atender nossos visitantes” afirmou.

Ainda para Aureo, o novo conceito de identidade e comunicação do evento, associado ao grande número de empresas do nosso polo expondo novidades e tendencias, foram os fatores que mais contribuíram para o sucesso da Femur 2020. “Se você olhar o produto que está aqui dentro, todas as empresas evoluíram demais” concluiu o presidente.

Empresas de todos os tamanhos e segmentos variados é uma característica do polo moveleiro de Ubá e região, tanto que a partir de agora Ubá tem o título de Capital Estadual da Indústria Moveleira, entregue pelo Governador Romeu Zema (Novo) na abertura da Femur 2020. A nomeação foi decretada pela lei estadual 23549/2020, de autoria do Deputado Coronel Henrique (PSL-MG) que também esteve presente na Femur 2020. “Sou o primeiro governador a visitar a Femur. Pela relevância da feira, toda edição deveria ter a presença do governador” pontuou Zema.

Os expositores também comemoraram os resultados da Femur 2020. Durante os quatro dias, corredores e estandes estiveram sempre cheios e com clima de muito profissionalismo e negociações acontecendo. Para Carlos Augusto Lopes, diretor da Móveis Lopas, o formato do evento é o motivo principal do sucesso que as empresas têm na Feira. “Para mim, a 14ª edição superou todas as demais. Não temos o glamour de outras épocas com estandes montados, que davam espetáculo. Mas esse modelo simples de showroom, o cliente fica mais a vontade e o que diferencia é o produto, o atendimento e o trabalho dos expositores com os clientes. A Lopas foi muito bem visitada e ficamos muito contentes. Atingimos nosso objetivo” declarou Carlos Augusto.

A Head de Marketing da Cozinhas Itatiaia, Eline Garbellini, também ressaltou a importância da Femur para o planejamento da empresa. “Um grande lançamento sempre é esperado para a Femur pela relevância que ela tem para a Itatiaia. A gente sempre casa o nosso plano de desenvolvimento de produto para que o lançamento possa ser feito na Femur. A companhia inteira trabalha em prol da feira, em prol da Itatiaia sempre trazer novidades para o nosso consumidor e, consequentemente, para o nosso lojista, que é parte fundamental de todo o processo” disse Eline.

A Orthocrin, que sempre está presente em feiras regionais, também é expositora da Femur e ressaltou sobre a importância do evento para os planos de expansão da marca.“Além dos lançamentos de produtos, estamos buscando parceiros para expandir nosso modelo de negócio de franquias, que traz muita rentabilidade, fácil gestão e investimento reduzido. E a feira é importante para prospectarmos parceiros que tenham o interesse em também aderir ao nosso negócio” declarou Kelly Delgado, gestora de marketing da empresa.

Para a Colchões Castor, indústria que também tem unidade produtiva em Minas Gerais, investir em aperfeiçoamento dos produtos é um dos principais atrativos que a empresa pode trazer na primeira feira do ano no setor moveleiro.  “Trazemos para a feira produtos carros chefe e desenvolvidos para públicos específicos, como pessoas alérgicas, mas também uma linha completa de novidades. Somos mineiros também e a Femur teve uma visitação muito boa para a gente”, afirmou Ademar Bernardelli, gerente de vendas da Castor.

Todo esse destaque enfatizado pelos expositores foi confirmado por quem visitou a Femur. Nasser Fares, presidente das Lojas Marabraz, que conta com cerca de 150 unidades em São Paulo, compra há mais de 20 anos em Ubá. “A variedade de produtos aqui está me surpreendendo. Eu sou apaixonado por Ubá, gosto do polo moveleiro”, elogiou Fares.

Paulo Garcia, gerente de produtos e comercial da Magalu, também marcou presença da Femur 2020 e elogiou a data da feira. “Ser bem no início do ano é importante, porque pega um bom momento para repor estoques, depois do final de ano, Black Friday; por isso é um momento bom para comprar”.

Agora os preparativos do polo moveleiro de Ubá região se voltam para as ações de marcado durante todo o ano de 2020 e para a Mostra de Móveis de Ubá e região, evento que acontece em anos ímpares, também no Pavilhão do Horto Florestal, em Ubá.

Foto de capa: Servando Lopes

 

 

 

 


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646