Cashback sustentável que une ganho financeiro ao ambiental

Programa Eco$ recompensa consumidor com título de investimento verde, que dá lucro enquanto preserva a natureza e incentiva a economia circular

Publicado em 22 de setembro de 2020 | 10:06 |Por: Thiago Rodrigo

O cashback ganha uma nova modalidade: a sustentável, que une o retorno financeiro à contribuição ao meio ambiente. O Eco$ é o programa de incentivo lançado pela Fubbá Objetos Inteligentes (www.fubba.com.br) em parceria com a Radix Investimentos Florestais (www.radixflorestal.com.br). Ao comprar um móvel com o selo verde da campanha, o consumidor ganha um título de investimento florestal que pode render, no longo prazo, valores até mesmo superiores ao preço pago pela peça.

“O cashback verde tem ainda mais valor pela experiência em saber que aquele produto que está na sua casa também está propiciando o cultivo de árvores e a biodiversidade em uma floresta, além de contribuir para uma economia de baixo carbono”, avalia Thiago Campos, sócio da Radix, empresa especializada no plantio comercial de Mogno Africano.

Em um cenário de pandemia, em que o consumo consciente e a preocupação ambiental ganharam força, as duas empresas se aproximaram para inovar e estimular a economia circular. A maioria dos 30 produtos do Eco$ é feita com madeira de reflorestamento ou de reuso. “É um modelo inédito. Além de adquirir um bem durável de qualidade, a pessoa participa de um ecossistema virtuoso, já que as árvores concedem matéria-prima para a produção de peças”, diz Henrique Gomma, cofundador do Fubbá, marketplace de designers autorais brasileiros.

Como funciona o Eco$ 

Independentemente do preço das escrivaninhas, mesas, luminárias, bancos ou estantes, entre outros, o consumidor recebe um título florestal com valor aproximado de R$ 500, que equivale a uma fração de um módulo florestal. O Mogno Africano, espécie principal do plantio, é conhecido como novo ouro verde. A árvore nobre atinge o ponto de comercialização entre 15 e 20 anos e tem expectativa de rendimento de 12% ao ano, o que resulta na multiplicação do investimento de seis a oito vezes. Assim, o retorno de cada aplicação de R$ 500 será de R$ 3 mil a R$ 4 mil, montante que muitas vezes compensa o valor da própria peça adquirida.

Fornecedores 301 está no ar com sustentabilidade como reportagem de capa

“A gente brinca que o Eco$ é mais do que um cashback: é um investment back. Queremos deixar um legado para futuras gerações, inspirar pessoas e empresas com os mesmos valores a participarem desse movimento de busca por uma vida melhor”, diz Gomma, que aposta na tendência de recompensa sustentável.

Divulgação

Eco$

Eco$ – Mesa de centro Moiru (designer estúdio O Formigueiro), da Fubbá

Sobre a Radix

Empresa especializada no plantio de florestas comerciais de Mogno Africano, com captação de recursos via equity crowdfunding. Administra 110 hectares de área plantada e oferece títulos de investimento coletivo por cerca de R$ 500, com expectativa de valorização de 12% ao ano. Criada em 2015 pelos empresários Gilberto Derze e Thiago Campos, a Radix democratiza investimentos verdes que permitem a recuperação de áreas degradadas através do plantio e manejo sustentável das florestas.

Sobre a Fubbá

Marketplace de novos designers autorais brasileiros na área de móveis e objetos inteligentes, sustentáveis, funcionais e práticos. A Fubbá Objetos Inteligentes foi criada em 2017 pelos designers Henrique Gomma e Alexandre Montenegro e busca valorizar a produção nacional, promover o bem-estar através do design e contribuir com a economia circular.


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646