Corte Certo foi um dos primeiros planos de corte no Brasil

Conheça a história, evolução, vantagens e funcionalidades do plano de corte Corte Certo para indústrias de móveis e marcenarias

Publicado em 11 de agosto de 2021 | 08:00 |Por: Thiago Rodrigo

O Corte Certo foi um dos primeiros brasileiros para planos de corte. Surgiu ainda no sistema operacional DOS que antecedeu o Windows. Nessa época, foi possível incluir aos cálculos restrições fundamentais como: ter em conta o sentido dos veios; compensar a espessura da serra; e ter a cada corte da chapa, obrigatoriamente, pelo menos um corte de fora a fora nos pedaços que ainda devem ser cortados.

Adiante, o lançamento de processadores de vários núcleos permitiu o cálculo de tarefas simultâneas, permitindo ao Corte Certo, o desenvolvimento de planos de corte de grande complexidade (mais testes de encaixes das peças e maior quantidade de restrições), em espaço de tempo antes impossível.

Otimização de material

Atualmente, Joerly Santos, diretor da Corte Certo, diz que é impossível dar um número genérico preciso a respeito do tamanho da otimização de material gerado com o software, porque a resposta depende de inúmeras variáveis. “Para começar, qual é o ponto zero? Quero dizer: antes da adoção do Corte Certo, como eram feitos os planos de corte? Não havia plano? Havia, mas feito com lápis e papel? Ou feito no Excel? Ou com algum otimizador pirata (geralmente eles vêm com versões antigas em embalagens novas)? Depois, depende da complexidade dos planos de corte, de como o programa está configurado (as chapas têm veios ou são lisas? Menos fases de corte ou não importa?)”, pondera.

Demanda por pequenas reformas cresce

Com o tempo, o marceneiro pode ir aprendendo truques que geram mais economia para as necessidades específicas da sua produção. A questão da orientação dos veios é um bom exemplo: “a grande maioria dos marceneiros se contenta em manter a simples harmonia do sentido dos veios de modo a evitar o conflito estético que haveria entre frentes de gaveta, por exemplo, em que umas tenham seus veios no sentido horizontal e outras, no vertical. Mas há quem queira assegurar sofisticação ainda maior para os móveis que constrói. Então, mais que o sentido dos veios, esse profissional pode fazer questão da continuidade desses veios de uma peça para outra”, pontua Joerly.Corte Certo

Peças casadas

Para isso, há no Corte Certo a função que chamam de “Peças Casadas”. Significa que as peças (digamos, portas de armário) serão cortadas da mesma chapa, lado a lado, da maneira que serão expostas juntas no móvel, tornando a harmonia entre elas, perfeita. “Essa restrição certamente levará a menor economia da matéria-prima”, frisa o diretor. Em ambos os casos, é possível selecionar peças (por exemplo, fundo de armário) para as quais o sentido do veio não tenha importância. “Assim configurado, o Corte Certo terá a liberdade girá-las livremente no momento do cálculo, com possibilidade de obter alguma economia de matéria-prima ou retalhos (sobras aproveitáveis) de melhor tamanho”, explica. Há relatos de usuários, no entanto, que podem chegar a 20% – veja vídeo na versão digital.

Desperdício de matéria-prima

Assim como no caso de mensurar o quanto de desperdício de matéria-prima pode ser evitado com o Corte Certo, Joerly assinala que não dá para generalizar no tema de economia de tempo, pela mesma razão da multiplicidade de variáveis. “Um computador com configurações mais robustas, certamente trará resultados mais rápidos que outro com essas características mais modestas. Opções para menor número de fases de corte também ajudarão nessa velocidade, mas é uma escolha que pode levar a menor economia”, diz.

Nesse caso, se considerar apenas no cálculo de planos de corte, é preciso levar em conta qual a velocidade que existia anteriormente à implantação do Corte Certo. “Já soubemos de casos extremos em que essa tarefa tomava o dia inteiro de uma pessoa, enquanto o Corte Certo pode trazer os resultados em segundos ou pouco minutos”, afirma o diretor. Com isso, de acordo com ele, mais importante que o tempo de relógio é o de quem o perde – geralmente um profissional mais qualificado, não raro o proprietário da empresa. Desse modo, o verdadeiro ganho de tempo, na realidade, se dá por maneiras mais extensivas que o simples cálculo.Corte Certo Revendas

Vantagens do Corte Certo

Entre as vantagens do Corte Certo, Joerly aponta que o software se estabelece na marcenaria como transformador digital, indo além da utilidade de suas ferramentas. “Ao falar em transformação digital de uma empresa, não me refiro ao processo tecnológico, mas sim ao humano. E isso é que faz a verdadeira diferença, na forma de ganhos de qualidade e de eficiência”, enaltece e acrescenta:

“Os teóricos costumam se referir a esse processo como mindset digital. Por mindset podemos entender algo como mudar a cabeça, a mentalidade, pensar de outro jeito. Acrescida da palavra digital, já estamos frente à realidade que a tecnologia traz à empresa e que alcança não uma ou duas pessoas, mas sim toda a empresa”.

Desse modo, ele garante que o Corte Certo, independentemente de suas funcionalidades, por si só já sugere mais organização, mais transparência nas informações (que resultam em decisões mais seguras e rápidas por parte do marceneiro), maior controle dos processos, prazos de entrega mais factíveis, maior velocidade para os serviços. “É todo um conjunto de benefícios que, certamente, influencia positivamente os clientes e estabelece diferença na comparação com concorrentes”, destaca.

Aplicativo de vendas para melhorar o desempenho da marcenaria

A simples absorção de todos esses avanços sem dúvida já conduziria a grande melhoria na rotina do trabalho do marceneiro, mas ainda é feito mais. Joerly declara que, sem que o marceneiro perceba ele começa a entrar entusiasticamente em uma revolução que vai alterar positivamente toda a sua cultura corporativa. “Por meio dessa revolução, o Corte Certo passará a ser utilizado de forma mais plena, indo além do objetivo pelo qual foi adquirido. Ele será integrado a outros softwares da empresa e será utilizado como ferramenta importante não apenas na produção, mas também no planejamento, nas compras e nas vendas”, garante.

Antes do Corte Certo, os planos de corte eram riscados a mão e jogados fora. Com ele, esses planos com todo o seu histórico podem ser arquivados e utilizados. E, claro, podem ajudar nos atuais e futuros cálculos com o lado humano dessa equação. “O novo jeito de pensar tira a ideia retrógrada que diz: ‘se sempre deu certo com o meu pai por que tenho de mudar alguma coisa?’”, questiona o diretor.Softwares

Diferenciais do plano de corte

Sobre os diferenciais do Corte Certo, Joerly destaca que mais que em qualquer outra área de atividade, na área de software a longevidade equivale a confiabilidade, na empresa e no produto. “O Corte Certo vem sendo desenvolvido ininterruptamente há mais de 25 anos, o que, nessa área de avanços vertiginosos, difíceis até de acompanhar, poderia equivaler a um século. Manter-se evoluindo no negócio em um segmento onde empresas nascem com a mesma velocidade com que morrem, revela capacidade de resiliência, de superar situações adversas. E isso vale ouro para o cliente que, ao escolher um software, casa-se com ele”, pontua.

Dúvidas  mais comuns na hora de vender pelo WhatsApp

A empresa de software busca ser parceira após tanto tempo de estrada e tantos clientes (são mais de 7 mil) e visa oferecer a tranquilidade de que não cairá facilmente. Justamente por causa da longevidade, a companhia também garante que ninguém conhece mais que eles sobre planos de corte para as características do mercado brasileiro. “Com tanto tempo de vida, nossos produtos podem oferecer também elevado grau de estabilidade, o que é outra promessa difícil para concorrentes”, declara Joerly, que ressalta:

“Se formos falar do software, do ponto de vista mais técnico, eu citaria, além do motor de cálculo longamente desenvolvido, funções como o ‘Peça a Peça’, que permite a emissão de etiquetas em sincronia com máquinas manuais. A opção ‘Conjuntos’ é outra maravilha, não apenas porque permite unir diferentes pedidos para obter melhor aproveitamento na otimização, mas também porque possibilita usar projetos antigos similares já montados, com rápidas mudanças (exemplo: troca de medidas ou de painel) para preparar uma nova ordem de corte”.

Corte Certo Web

Mesmo em meio a tantas soluções, ainda há espaço para melhorias e o que há de mais novo no momento é o Corte Certo Web. Trata-se de uma versão inteiramente em nuvem paga pelas lojas de materiais para marcenaria – para o marceneiro, o uso é gratuito. O Corte Certo Web é mais que um otimizador de planos de corte, sendo uma loja virtual dotada de várias ferramentas, entre as quais um otimizador.

“O sistema é composto de dois ambientes, o da loja e o do marceneiro. No da loja, são cadastradas todas as chapas e fitas disponíveis. Então, com um PC, tablet ou celular, o marceneiro pode acessar a loja e fazer o seu pedido, inserindo nos campos apropriados as medidas de cada peça desejada, lados que deverão ser bordeados e, claro, com escolha das chapas e das fitas. Ele receberá um orçamento e, estando de acordo, dará o ‘sim’ para que o serviço seja iniciado na loja”, afirma Joerly. O que é a última novidade para o mercado marceneiro pode ser o primeiro contato da marcenaria com um software de corte.Corte Certo Web


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646