Leo Social abre inscrições para curso de ajudante de marcenaria

Interessados devem contar com renda per capita familiar de até meio salário-mínimo e ter concluído a 6ª série do Ensino Fundamental; inscrições vão até o dia 6 de julho

Publicado em 27 de junho de 2022 | 11:41 |Por: Thiago Rodrigo

A Escola da Marcenaria, iniciativa do Leo Social, entidade sem fins lucrativos mantida pela Leo Madeiras, acaba de abrir inscrições para o curso “Ajudante de Marcenaria”, capacitação gratuita e voltada para pessoas em situação de vulnerabilidade social. O objetivo é ensinar técnicas para confecção de móveis de pequeno e médio porte, estimulando capacidades comportamentais de autonomia e de empreendedorismo. Ao todo são 15 vagas.

Com carga horária de 60 horas, o curso ocorre entre os dias 11 de julho e 3 de agosto, das 08h00 às 12h00. As aulas serão realizadas no Tabea, na Avenida Dona Ruyce Ferraz Alvim, nº 1385, no Jardim Bandeirante, em Diadema (SP).

O conteúdo programático do curso “Ajudante de Marcenaria” inclui aulas como plano de corte, colagem de fita de borda, aplicação de laminado decorativo de alta pressão (fórmica), sistema de encaixe, processo de fabricação, dentre outros. Os alunos também serão desafiados a criarem, em grupo, peças a partir das técnicas aprendidas durante a profissionalização.

Braspan inaugura showroom

Vale destacar que além da parte prática o curso conta com aulas online de empreendedorismo e gestão, com temas como marketing digital, precificação, técnicas de vendas, negociação e experiência do consumidor.

Os interessados precisam ser maiores de 18 anos, ter renda per capita familiar de até meio salário mínimo e ter concluído a 6ª série do Ensino Fundamental. As inscrições devem ser feitas neste formulário até o dia 6 de julho. Os inscritos passarão por entrevista social para verificação dos pré-requisitos.

“Desde 2004, a Escola da Marcenaria já impactou a vida de mais de 8 mil alunos. Só em 2021, formamos mais de 300 profissionais, sempre com o propósito de disseminar conhecimento, capacitar e desenvolver o mercado da marcenaria, gerando emprego e renda para alunos de todos os gêneros e idades, que aprendem o ofício da marcenaria na prática com instrutores experientes na área”, diz Fernanda Canal, diretora do Leo Social.

Receba nossa Newsletter

    Matérias Relacionadas