Inadimplência cai em novembro, de acordo com a Boa Vista

Indicador da companhia mostra redução no número de inadimplentes em sua base de dados

Publicado em 12 de dezembro de 2019 | 12:00 |Por: Everton Lima

A Boa Vista divulgou dados sobre a recuperação de crédito dos brasileiros. De acordo com a instituição, o indicador de recuperação de crédito da companhia apresentou uma melhora de 1,5% no mês de novembro em relação a outubro deste ano. Em comparação a novembro de 2018, houve uma melhora de 4% nesse índice.

Quando analisado regionalmente, percebe-se um aumento no registro acumulado do ano de novos inadimplentes. Na região Sul, esse indicador caiu – 8%, sendo a região com a maior queda. O Centro-Oeste veio em seguida, com uma diminuição de -3,6%, seguido pela região Nordeste (-2,8%) e Sudeste (-2,4%).  Ou seja, nessas regiões a Boa Vista verificou um aumento na inadimplência.

Na região Norte, única a registrar crescimento no indicador de recuperação de crédito, houve uma melhora de 1,7% na exclusão de registros da base de dados da Boa Vista.

Boa Vista: impacto da liberação do FGTS

A empresa destaca que esse resultado ilustra os dados de outra pesquisa, divulgada anteriormente pela companhia. A Boa Vista havia perguntado aos consumidores o que eles pretendiam fazer com o saldo de R$ 500 do FGTS e 56% responderam que pretendiam pagar dívidas.

Dados do CNC também mostram redução da inadimplência

No início deste mês, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) revelou que o número de famílias endividadas foi de 65,1% em novembro. Um aumento em relação aos 64,7% verificados em outubro.

Isso significa que essas pessoas contraíram alguma dívida em relação ao cartão de crédito, cheque especial, cheque pré-datado, crédito consignado, prestação de casa (ou carro) ou carnê de loja. A pesquisa também aponta uma leve redução na inadimplência no mês de novembro em comparação a outubro: 0,2%. Isso quer dizer que, apesar de estarem endividadas, essas novas contas ainda não estão atrasadas.

No início deste mês, a Federação Brasileiras de Bancos (Febraban) anunciou que diversas instituições atenderiam os clientes que desejassem participar da Semana de Negociação e Orientação Financeira. De acordo com a federação, mais de 320 agências atenderam os clientes que quiseram quitar seus débitos. A Febraban ainda não divulgou um balanço dos resultados obtidos pela iniciativa.

Foto: Marcello Casal Jr. |Agência Brasil

 


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646