Natal 2019: catarinenses pretendem gastar cerca de R$ 500 neste ano

Estudo realizado pela Fecomércio SC indica como será o comportamento de consumo do catarinense neste Natal

Publicado em 18 de dezembro de 2019 | 12:00 |Por: Everton Lima

A  Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio SC) publicou uma pesquisa com dados relativos à intenção de compra dos catarinenses para este Natal 2019.

De acordo com o estudo, os moradores de Criciúma são os que estão mais dispostos a gastar com presentes em 2019: R$ 713,06. Em segundo lugar, aparecem os moradores de Blumenau, dispostos a gastar até R$ 603,91.

Os mais econômicos moram em Joinville (R$ 371,63) e em Florianópolis (R$ 378,71). Nas outras cidades pesquisadas, os valores superam os R$ 400. Quando considerado todo o estado, o valor do gasto médio neste Natal é de R$ 493,74.

– Decoração de natal: cinco dicas para não errar!

– Via Varejo comemora os resultados de sua Black Friday

Natal 2019: famílias catarinenses percebem melhora financeira

Os pesquisadores da Fecomércio buscaram entender se houve alguma mudança significativa na vida econômica das famílias do estado. Para 44,7% dos entrevistados, a situação financeira neste ano está melhor se comparada com o mesmo período do ano passado.

Para 32,7% dos catarinenses, não houve melhora e eles consideram que a situação financeira é a mesma de 2018. 22,4% perceberam uma piora do ano passado para este ano.

Florianópolis aparece como a cidade com o maior percentual de percepção de melhora (46,3%). Já Chapecó é o município com o maior percentual de moradores cuja percepção é de piora: 27,3%. Blumenau é a local que destacou com o maior percentual de pessoas que não viram diferenças entre 2019 e 2018 — 38,7% contra 41,3% que perceberam alguma melhora.

Catarinenses pretendem comprar quatro presentes

O estudo ainda mostra que os catarinenses comprarão cerca de quatro presentes neste Natal. Quase a metade dos entrevistados (46,2%) presentearão os filhos, 18,4% presentearão os pais e 8,8% os cônjuges.

Quase 70% dos entrevistados disseram que pagarão à vista pelos presentes. 16,2% disseram que farão o pagamento parcelado, por meio do cartão de crédito. 5,7% usarão o cartão de débito. De acordo com a Fecomércio SC, isso indica uma disposição dos consumidores do estado em se endividar, usando o cartão de crédito.

Preço é fundamental

64% dos consumidores que participaram do estudo disseram que o preço do presente é o principal atributo da compra. 16% afirmaram se preocupar com a qualidade e 15% disseram que o bom atendimento será o fator determinante para fechar negócio com o lojista.

65% afirmaram que comprarão no comércio de rua. Apenas 5,4% farão as compras pela internet. Ao que tudo indica, os presentes serão, em sua maioria, roupas 67,4%, seguidos por brinquedos (9,1%).

Móveis e itens de decoração foram lembrados por apenas 1% dos entrevistados, com destaque para Blumenau, Chapecó e Lages, municípios em que 2% dos respondentes afirmaram que presentearão seus entes queridos com produtos dessa categoria.


Notícias do Mercado Moveleiro

Conheça nossas publicações:

eMobile

Atualizado diariamente por uma equipe de jornalistas profissionais, o Portal eMóbile agrega as notícias mais atuais e relevantes para os profissionais do setor moveleiro, sejam eles industriais, varejistas, marceneiros ou designers e arquitetos.


  • CONTATO
  • contato@revistamobile.com.br
  • Avenida Sete de Setembro
  • 6810, 2º andar - Cj 18
  • Seminário | 80240-001
  • Curitiba | Paraná
  • (41) 3340 4646